BLASFÉMIAS

A Blasfémia é a melhor defesa contra o estado geral de bovinidade
0
 Artigos
582

a notícia da morte do psd é manifestamente exagerada

 BLASFÉMIASPublicado ontem
Quarenta e cinco anos e quinze eleições legislativas democráticas depois, apenas em três delas houve maioria parlamentar absoluta de um só partido (1987, 1991 e 2005) e com dois líderes (Cavaco Silva em 1987 e 1991 e José Sócrates em 2005). Fora desses períodos, a governabilidade foi sempre muito difícil de assegurar. (...)

Joacine põe tudo a nú

 BLASFÉMIASSábado
Joacine Katar Moreira deixou claro hoje que o LIVRE a usou e que “elegeram uma mulher negra que gagueja e que deu jeito para a subvenção” e deixou no ar a ideia de que muito mais haveria para contar porque “vocês não sabem da missa a metade”. (...)

Se num destes dias virem o Rui Tavares a colocar velas em Fátima não se admirem

 BLASFÉMIASSábado
Ps. A minha intervenção preferida é a vozinha que sussurra “Joacine!”

Chazinhos e bolinhos

 BLASFÉMIASSábado
O Secretário de Estado da Saúde defendeu como medida para evitar novos episódios de agressões a médicos por parte dos utentes oferecer chazinhos e bolinhos para tornar as salas de espera mais confortáveis e aliviar a tensão. O video está aqui e a proposta foi feita durante uma entrevista à Rádio Renascença. (...)

Que belo se põe o sol

 BLASFÉMIASSexta feira
A Oficina da Liberdade convidou Miguel Granja a escrever um texto de homenagem a Roger Scruton e o resultado é a beleza da tristeza de que retiro abaixo alguns excertos: Conservar não é paralisar: é impedir a deterioração. Ninguém conserva senão aquilo em cuja perpetuação acredita. (...)

Dedo do meio é o regulador natural

 BLASFÉMIASQuinta feira
O conceito de “alojamento local” é estúpido. Ninguém precisa de alojamento remoto a não ser que seja um tractor. Alojamento remoto seria um armazém, pelo que todo o alojamento de pessoas ocorre a nível local, seja qual for esse local. Hotéis devem ser regulados. (...)

Rigorosamente no mesmo lugar

 BLASFÉMIAS2020-01-15
No tempo em que os blogues eram populares, um artigo como o anterior geraria uma onda de indignação pelos outros blogues populares. Agora, como os blogues não são populares por ser muito mais recompensador debitar uma linha na parede do WC do que uns parágrafos espirituosos em livros, posso dizer o que quiser. (...)

Abaixo baixar impostos

 BLASFÉMIAS2020-01-14
Não tolero que me perguntem se estou cansado. É uma forma de agressão passiva que visa, por vias travessas, chamar-me de preguiçoso. Contudo, aceito que me digam que sou preguiçoso, já que tal corresponde à verdade e, ao contrário da primeira, não faz um julgamento de valor por suposta superioridade do interlocutor. (...)

Quem espera sempre alcança

 BLASFÉMIAS2020-01-14
Manhã fria e risco de chuva. Espero o topógrafo da câmara municipal à porta para que possa estacionar no interior da propriedade. A rua é estreita e movimentada, mas o acesso pela quelha sem saída à rampa da garagem permitirá ao homem evitar estacionar a uma distância desagradável. (...)

Cabrita Reis e a Câmara Municipal de contas bem feitas

 BLASFÉMIAS2020-01-14
Cabrita Reis, hoje no Público, sem se rir: “Os artistas determinam o que é ou não é passível de ser considerado como obra de arte”. “E agora, é claro, a questão do dinheiro. (…) a arte não tem preço. Uma obra de arte nunca será nem cara nem barata. (...)

Será que é desta que a recolha de lixo vai funcionar?

 BLASFÉMIAS2020-01-14
Além dos carrinhos eléctricos a juntar aos outros e da produção de material de propaganda política, a Lisboa Capital Verde Europeia é exactamente o quê?

Ver mais